A PRIMEIRA ACELERADORA DE BASE FAVELADA DO BRASIL

MANI

FESTO

Conectar pessoas e territórios é o nosso corre!
Acreditamos na transformação social por meio da educação e formação empreendedora. Navegamos entre oceanos, para traçar novas rotas de acesso e garantir que todos tenham a oportunidade de serem agentes do seu próprio destino. Na ponte de comando, temos um time que faz acontecer com muita criatividade e inovação. Aprendemos na prática e na troca, respeitando as vivências de cada um. Içamos nossa vela por mais diversidade, por mais inclusão social e econômica.
Todo barco merece um porto seguro,
nós iremos te ajudar a encontrar o seu.

PESSOAS CONECTADAS

  • GUILHERME FERNANDES

    O Corre Criativo, teve e ainda tem causado um grande impacto na minha vida pessoal e profissional. Na vida pessoal eu tenho aprendido a reconhecer minhas qualidades, e avaliar meus pontos mais fracos para poder melhorá-los.
    Comecei o programa sem referências de identidade racial e terminei orgulhoso de quem eu sou. A educação liberta, por isso projetos como o Corre Criativo são extremamente importantes na vida de jovens como eu, que pela primeira vez eu pude estudar sem estar com fome ou ter que me preocupar com passagem pra chegar na escola. Esse programa é a face da esperança para pessoas que às vezes não conseguem ver um bom futuro para elas e suas comunidades.

  • ROSY APARECIDA

    O Corre Criativo me possibilitou conviver com adiversidade e pude entender que cada empreendimento e empreendedor tem em si um ideal, que embora pareça individual, atinge toda a sociedade. Jovens de áreas periféricas ou de risco não têm capital financeiro suficiente para investir em um curso como o que é oferta do pelo Corre Criativo. Além do mais, não é só um curso para acelerar negócios, ele possibilita acesso ao conhecimento, a lugares, pessoas e situações que transformam realidades. O curso ainda se torna um movimento das minorias, pois os empreendedores que estão ali vêm de uma realidade social em que muitas vezes usam do trabalho para fazer sua luta diária por reconhecimento, cidadania e direitos.

  • ANDREA MOTTA

    Acompanhar o desenvolvimento das mentora das do início ao final do programa foi muito positivo. A experiência de conseguir diagnosticar no início o nível de desenvolvimento da ideia de negócio e acompanhar o aprendizado e desenrolar da ideia até o fim do programa cria um laço de conexão e confiança entre o agente e os mentorados. Gostei muito dos primeiros encontros de formação dos agentes e voluntários. Acho que essa formação é essencial para reduzir o enorme gap de realidades entre mentores e mentorados e cria uma consciência que é vital durante todo o resto do programa.

  • JOMAKA

    A Academia TransLiterária completa 3 anos em setembro de 2019 e, durante nossa trajetória, sempre foi muito importante para o coletivo estabelecer redes de afeto, contato, apoio. Agente sempre está mais forte quando não fica sozinho, não é mesmo? Bom, o que dizer do Fa.Vela? Eu conheci a organização pela oportunidade de capacitação trazida pelo Global Shapers e Equi ONG, em que 3 coletivos de BH foram contemplados para formação em empreendedorismo, gestão financeira e marketing digital. Uma agenda extensa de aulas e encontros que eu faço questão de estar presente, pois acredito que conhecimento nunca é demais, e eu particularmente adoro poder trocar experiências com pessoas engajadas na justiça social. Foi uma surpresa linda conhecer a galera do Fa.Vela, uma organização importantíssima, potente e necessária para a cidade.

APOIE O EMPREENDEDORISMO DE BASE FAVELADA!
Faça uma doação para a organização
e contribua com a nossa causa!

@maisfavela